« Сайт LatinoParaiso


Правила форума »

LP №28 (434)



Скачать

"Латинский Рай" - форум сайта латиноамериканской музыки, теленовелл и сериалов

Информация о пользователе

Привет, Гость! Войдите или зарегистрируйтесь.


Вы здесь » "Латинский Рай" - форум сайта латиноамериканской музыки, теленовелл и сериалов » Резюме ЛА сериалов » Uma Rosa com Amor (Бразилия) - резюме серий на португальском


Uma Rosa com Amor (Бразилия) - резюме серий на португальском

Сообщений 1 страница 20 из 122

1

http://s05.radikal.ru/i178/1004/91/143ecd13a0d1.jpg

1 серия
Segunda-feira, 01/03/2010
Pimpinoni aconselha Serafina Rosa a espantar a tristeza e a angústia

O empresário francês Claude (Claudio Lins) negocia com o investidor Mr. Smith (Roberto Arduim). Mr. Smith (Roberto Arduim) propõe sociedade a Claude (Claudio Lins). O americano oferece 10 milhões de dólares para investir na construtora de Claude (Claudio Lins). Mr. Smith (Roberto Arduim) pergunta a Claude se ele tem visto de permanência no Brasil. Claude (Claudio Lins) responde que vai providenciar o mais rápido possível.
Frazão (Toni Garrido) e o amigo Claude (Claudio Lins) conversam em uma festa sobre o dinheiro de Mr. Smith (Roberto Arduim). Frazão (Toni Garrido) brinca com Claude (Claudio Lins) e sugere que ele se case com Nara (Monica Carvalho). Claude (Claudio Lins) tem um ataque de espirros ao ouvir a palavra “casamento”. Claude (Claudio Lins) pede que Nara (Monica Carvalho) peça o divórcio a seu ex-marido. Egídio (Carlo Briani) trama dar um golpe em Claude (Claudio Lins) e Mr. Smith (Roberto Arduim). Freitas (Renato Scarpin) avisa Frazão (Toni Garrido) que Coutinho, que cuida do pedido de visto de Claude e dos negócios da construtora, saiu da empresa e foi para uma concorrente, na Dinamarca. Nara (Monica Carvalho) e Egídio (Carlo Briani) tramam para atrasar o processo do pedido de visto de Claude (Cláudio Lins). No Bexiga, Dona Antonieta (Etty Fraser) se surpreende com o novo manequim de costura de Joana (Lucia Alves). Giovani (Edney Giovenazzi) recebe um aviso do oficial de justiça: ou compra o cortiço ou será despejado. Amália (Betty Faria) consola o marido Giovani (Edney Giovenazzi). Amália (Betty Faria) teme que Terezinha (Sabrina Balsalobre) fique “solteirona” e encalhada como Serafina (Carla Marins). Amália (Betty Faria) lamenta para o marido Giovani (Edney Giovenazzi) que a filha Serafina (Carla Marins) tenha sido abandonada no altar pelo noivo, no passado.

Sem ser vista pelos pais, Serafina (Carla Marins) ouve tudo e chora. Amália (Betty Faria) faz promessa a Santo Antônio para a filha Serafina (Carla Marins) casar. Pepa (Jussara Freire) chora e pede ajuda a Amália (Betty Faria) para pagar o aluguel e permanecer no casarão. Com pena da amiga, Amália (Betty Faria) promete falar com Giovani (Edney Giovenazzi) para livrar o aluguel, com a condição de que ela não conte aos vizinhos. Afrânio (Nilton Bicudo) conversa com Giovani (Edney Giovenazzi) sobre a possibilidade de financiar a compra do casarão. Serafina (Carla Marins) afirma para a irmã Terezinha (Sabrina Balsalobre) que prefere morrer ou ficar solteira que namorar Afrânio (Nilton Bicudo). Terezinha (Sabrina Balsalobre) repreende Serafina Rosa (Carla Marins), dizendo que desde que Julio a deixou, a irmã não namorou mais ninguém e ainda espalha a todos que “não quer mais saber de homem”. Apaixonado, Afrânio (Nilton Bicudo) elogia a boa-forma de Serafina Rosa (Carla Marins) e declara à secretária que ela é maravilhosa. Serafina (Carla Marins) não gosta do comentário, mas agradece. O jovem ator Sergio (André Cursino) conta para a mãe Joana (Lúcia Alves) que foi selecionado para fazer um teste para um filme internacional. Pimpinoni (João Acaiabe) aconselha Serafina Rosa (Carla Marins) a espantar a tristeza e a angústia. Pimpinoni (João Acaiabe) afirma a Serafina Rosa (Carla Marins) que com fé, alegria e esperança tudo vai dar certo.

Beto (Fábio Rhoden) chega tarde em casa, e a mãe Nara (Monica Carvalho) reclama que não foi avisada. Egídio (Carlo Briani) planeja tornar-se presidente da construtora de Claude (Claudio Lins). Serafina (Carla Marins) encomenda nova remessa de flores para ela mesma. Serafina (Carla Marins) pede que o entregador mande as flores em nome de Rosa, nome pelo qual é chamada pelos colegas funcionários do escritório da construtora de Claude (Claudio Lins). No cartão, ela escreve a dedicatória “Para Rosa, uma rosa com amor”. Janete (Joana Lima Verde) vê as flores, que chegam à construtora, como nos outros dias, e pergunta à Serafina (Carla Marins) se as rosas são de um namorado. Serafina (Carla Marins) derrama a água do vaso das flores no paletó de Claude (Claudio Lins). Aflito, Claude (Claudio Lins) descobre que Coutinho, funcionário que foi para a empresa concorrente, não deu entrada no pedido de visto. Claude (Claudio Lins) lamenta a traição de seu ex-funcionário. Freitas (Renato Scarpin) sugere que Claude (Claudio Lins) case com uma brasileira para permanecer no país. Claude (Claudio Lins) tem um ataque de espirro. Frazão (Toni Garrido) pensa em outra noiva para Claude (Claudio Lins). Neste instante, Serafina Rosa (Carla Marins) entra na sala.

0

2

2 серия
Terça-feira, 02/03/2010
Giovani dá lição de moral nos filhos e exige respeito

Frazão (Toni Garrido) sugere que Claude (Claudio Lins) arrume uma noiva de mentira. Janete (Joana Lima Verde) repara que as flores recebidas por Serafina Rosa (Carla Marins) têm um cartão com a dedicatória “uma rosa com amor” e se encanta com o romantismo do “namorado”. Frazão (Toni Garrido) relembra Claude (Claudio Lins) de que Nara (Monica Carvalho) não pode casar, porque não conseguiu divorciar-se do ex-marido. Terezinha (Sabrina Balsalobre) pede para Serafina (Carla Marins) acompanhá-la até o cinema, para poder sair com Dino (Bruno Bezerra), uma exigência do pai Giovani (Edney Giovenazzi). Pepa (Jussara Freire) e Afrânio (Nilton Bicudo) batem boca na lavanderia do cortiço. Serafina Rosa (Carla Marins) avisa os moradores do casarão que precisam de um milhão de reais para continuar morando naquele imóvel. Nara fica furiosa com a ideia de Frazão (Toni Garrido) de casar Claude (Claudio Lins) com uma noiva de mentira. Fanho, Afrânio (Nilton Bicudo) revela para Antonieta (Etty Fraser) e Serafina (Carla Marins) que acredita em “milagres de amor”. Giovani (Edney Giovenazzi) dá lição de moral nos filhos e exige respeito, de acordo com os bons e velhos costumes. Nara (Monica Carvalho) e Serafina (Carla Marins) disputam um pedaço de renda da loja e brigam para levar o tecido. Gurgel (Daniel Uemura) e Janete (Joana Lima Verde) comentam que os gastos diários do “namorado” de Serafina Rosa (Carla Marins) com as flores dariam para comprar o enxoval e casar. Claude (Claudio Lins) reclama para Frazão (Toni Garrido) de Serafina (Carla Marins), chamando a secretária de desastrada. Serafina Rosa (Carla Marins) mancha a camisa de Claude (Claudio Lins) quando tenta costurar o botão. Serafina Rosa (Carla Marins) entra na sala para devolver a roupa de Claude (Claudio Lins), sem camisa, mas é surpreendida pela presença de Nara (Monica Carvalho).

0

3

3 серия
Quarta-feira, 03/03/2010
Claude implora pela ajuda de Roberta Vermont para conseguir seu visto

Nara (Monica Carvalho) acusa Claude (Claudio Lins) de ter um caso com Serafina Rosa (Carla Marins). Nara (Monica Carvalho) discute com Serafina Rosa (Carla Marins) e exige que Claude (Claudio Lins) demita a secretária. Serafina Rosa (Carla Marins) esbarra em Mr. Smith (Roberto Arduim) na saída da construtora. Logo em seguida, Serafina Rosa (Carla Marins) acha a carteira do gringo no chão. Milton (Felipe Lima) e Terezinha (Sabrina Balsalobre) combinam de sair. Milton (Felipe Lima) reclama da vigilância de Serafina Rosa (Carla Marins), exigência de Giovani (Edney Giovenazzi). Em conversa com o filho Sergio (André Cursino), Joana (Lúcia Alves) lembra de Roberta Vermont (Isadora Ribeiro) nos tempos de juventude, da morte do marido e dos tempos em que era atriz. Com os olhos marejados, Joana (Lúcia Alves) confessa que é tarde para voltar a atuar. Claude (Claudio Lins) implora pela ajuda de Roberta Vermont para conseguir seu visto. Mr. Smith (Roberto Arduim) cobra os documentos do visto de Claude (Claudio Lins) e percebe que perdeu a carteira. Nara (Monica Carvalho) é multada por estacionar em local proibido, e depois tem seu carro guinchado. Giovani (Edney Giovenazzi) permite que Terezinha (Sabrina Balsalobre) e Milton (Felipe Lima) saiam sozinhos, mas depois se arrepende. Giovani (Edney Giovenazzi) constata com Amália (Betty Faria) que somente Dino (Bruno Bezerra) ficou em casa e reclama da ausência das duas filhas. Egídio (Carlo Briani) diz a Nara (Monica Carvalho) que Claude (Claudio Lins) montou o escritório sem o visto em ordem e afirma que fará de tudo para tomar o dinheiro do gringo, pois é sócio da construtora. Egídio (Carlo Briani) promete que vai se livrar da secretária.

Serafina Rosa (Carla Marins) comenta com Pimpinoni (João Acaiabe) que achou a carteira de um americano e que vai devolvê-la. Nara (Monica Carvalho) e Claude (Claudio Lins) se reconciliam. Beto (Fábio Rhoden) pergunta para a irmã Raquel (Marina Stacciarini) se o pai fugiu para não pagar pensão. Beto (Fábio Rhoden) afirma para Elisa (Marcia Kaplun) que a mãe Nara (Monica Carvalho) e o avô Egídio (Carlo Briani) cercam Claude (Claudio Lins) por interesse. Serafina Rosa (Carla Marins) procura Mr. Smith (Roberto Arduim) e devolve a carteira a ele. Mr. Smith (Roberto Arduim) oferece uma recompensa em dinheiro a Serafina Rosa (Carla Marins), mas ela recusa, apesar da vontade de aceitar, para ajudar a família. Egídio (Carlo Briani) demite Serafina Rosa (Carla Marins) e pede que ela saia da empresa e não volte mais. Com sentimento de culpa, Claude (Claudio Lins) concorda com a decisão de Egídio (Carlo Briani) de demitir Serafina Rosa (Carla Marins). Mr. Smith (Roberto Arduim) vê Serafina Rosa (Carla Marins) na antessala da diretoria da construtora, arrumando as coisas da mesa para sair, e a convida para almoçar. Frazão (Toni Garrido) e Claude (Claudio Lins) percebem a intimidade entre a secretária e o milionário, que saem da construtora. O empresário e o advogado ficam estupefatos. Claude (Claudio Lins) se preocupa com o que Serafina Rosa (Carla Marins) vai falar sobre a empresa, funcionários e seu dono.

0

4

4 серия
Quinta-feira, 04/03/2010
Pepa teme acabar morando debaixo de um viaduto

Claude (Claudio Lins) decide que vai readmitir Serafina Rosa (Carla Marins). Janete avisa Frazão (Toni Garrido) que Serafina Rosa (Carla Marins) está sem celular, e Claude (Claudio Lins) fica desesperado. Claude (Claudio Lins) e Frazão (Toni Garrido) planejam ir atrás de Serafina Rosa (Carla Marins) e Mr. Smith (Roberto Arduim). Frazão (Toni Garrido) pede para Janete (Joana Lima Verde) dizer a Serafina Rosa (Carla Marins) que ela é uma boa funcionária e que a demissão dela não passou de um engano. Frazão (Toni Garrido), Claude (Claudio Lins) e Janete (Joana Lima Verde) saem à procura do restaurante para onde o estrangeiro levou Serafina Rosa (Carla Marins). Afrânio (Nilton Bicudo) vê Serafina Rosa (Carla Marins) e Mr. Smith (Roberto Arduim) entrar em um táxi. Afrânio (Nilton Bicudo) não acredita no que vê: sua amada Serafina Rosa (Carla Marins) entrando no táxi com um homem mais velho, em pleno horário de trabalho. Claude (Claudio Lins), Frazão (Toni Garrido) e Janete (Joana Lima Verde) pegam outro táxi e perseguem Serafina Rosa (Carla Marins) e Mr. Smith (Roberto Arduim). Sr. Smith (Roberto Arduim) conversa com Serafina Rosa (Carla Marins) e percebe que ela está preocupada. Giovani (Edney Giovenazzi) reclama de Terezinha (Sabrina Balsalobre), que chegou depois da meia-noite em casa, e de Dino (Bruno Bezerra), que só pensa em jogar bola e vídeo-game. Giovani (Edney Giovenazzi) comenta com Amália (Betty Faria) que um possível despejo não vai ser fácil para as fofoqueiras Pepa (Jussara Freire) e Dona Antonieta (Etty Fraser). Joana (Lúcia Alves) ajuda o filho Sérgio (André Cursino) a ensaiar um monólogo de Shakespeare. Pimpinoni (João Acaiabe) acalma Pepa (Jussara Freire) e Dona Antonieta (Etty Fraser), e explica que Giovani (Edney Giovenazzi) e Amália (Betty Faria), inquilinos oficiais do casarão (cortiço), apenas receberam proposta do inquilino para comprarem o imóvel.

Pepa (Jussara Freire) teme acabar morando debaixo de um viaduto. Nara (Monica Carvalho) empresta o carro para o filho Beto (Fábio Rhoden) e sai com Erci (Ana Carolina Lima) para tirar a segunda via da carteira de habilitação, manchada durante a briga com Serafina Rosa (Carla Marins) na loja de tecido. O motorista do táxi de Claude (Claudio Lins) freia para evitar atropelar um carrinho de bebê e perde de vista o táxi de Serafina Rosa (Carla Marins) e Mr. Smith (Roberto Arduim). Serafina Rosa (Carla Marins) se assusta com os preços dos pratos do restaurante de luxo, e recomenda as cantinas do Bexiga ao gringo, que promete ir lá um dia. Frazão (Toni Garrido), Claude (Claudio Lins) e Janete (Joana Lima Verde) acham o restaurante e procuram por Serafina Rosa (Carla Marins), desesperados. Claude (Claudio Lins) não acredita que está à caça de uma “maluquinha, desastrada e destrambelhada”. Janete (Joana Lima Verde) ouve a crítica de Claude (Claudio Lins), que pede para a funcionária não contar nada do que disse. Nara (Monica Carvalho) e Erci (Ana Carolina Lima) especulam se Claude (Claudio Lins) e Serafina Rosa (Carla Marins) têm um caso, e entram no restaurante. Claude (Claudio Lins) encontra Nara (Monica Carvalho) e depois vê Serafina Rosa (Carla Marins), que vira-lhe as costas e volta para a mesa com Mr. Smith (Roberto Arduim). Serafina Rosa (Carla Marins) pede para Mr. Smith (Roberto Arduim) não sair da mesa para falar com Claude (Claudio Lins) e explica que a noiva dele, Nara (Monica Carvalho), “não vai com a cara dela”. Serafina Rosa (Carla Marins) ressalta que ela e Nara (Monica Carvalho) tiveram uma “discussão chata”. Janete (Joana Lima Verde) conta a Nara (Monica Carvalho) que Serafina Rosa (Carla Marins) será readmitida por Claude (Claudio Lins).

O empresário fica pálido. Inconformada, Nara (Monica Carvalho) interrompe o almoço, furiosa, e vai para casa. O americano paga a conta e sai do restaurante com Serafina Rosa (Carla Marins), sem Claude (Cláudio Lins) e ninguém ver. Serafina Rosa (Carla Marins) agradece Mr. Smith (Roberto Arduim) por não ter sido vista pela ciumenta Nara (Monica Carvalho). Caminhando pelas ruas de São Paulo, Mr. Smith (Roberto Arduim) faz perguntas à Serafina Rosa (Carla Marins) sobre a construtora. O gringo afirma que ela é uma funcionária honesta e que é a melhor pessoa para falar sobre a empresa de Claude (Claudio Lins). O milionário e a secretária conversam harmoniosamente, em um clima agradável. Afrânio (Nilton Bicudo) conta para as fofoqueiras Pepa (Jussara Freire) e Dona Antonieta (Etty Frazer) e Pimpinoni (João Acaiabe) que viu Serafina Rosa (Carla Marins) e um homem mais velho em um táxi no centro da cidade. Terezinha (Sabrina Balsalobre) ouve tudo. As fofoqueiras comentam que Serafina Rosa (Carla Marins) não é nenhuma santinha e que a relação entre homem mais velho e mulher mais nova é comum. Terezinha (Sabrina Balsalobre) conta aos pais que Serafina Rosa (Carla Marins) foi vista com um homem. Alabá (Patrícia Dejesus) pergunta a Roberta (Isadora Ribeiro) se ela ainda gosta de Claude (Claudio Lins). Nara (Monica Carvalho) conta para o pai Egídio (Carlo Briani) que Serafina Rosa será readmitida e que se sentiu humilhada. Mr. Smith (Roberto Arduim) e Serafina Rosa (Carla Marins) entram no escritório da construtora. Mr. Smith (Roberto Arduim) anuncia para Claude (Claudio Lins) que chegou a uma conclusão.

0

5

5 серия
Sexta-feira, 05/03/2010
Giovani se incomoda com o agarramento de Terezinha e Milton

Mr. Smith (Roberto Arduim) elogia Serafina Rosa (Carla Marins) e destaca uma qualidade dela: a honestidade. Mr. Smith (Roberto Arduim) revela a Claude (Claudio Lins) que Serafina Rosa (Carla Marins) falou bem da construtora, de Frazão (Toni Garrido) e de Claude (Claudio Lins), e decide estender o prazo para que o francês providencie seu visto. O americano salienta que a secretária está chateada com Egídio (Carlo Briani) e Nara (Monica Carvalho). Janete (Joana Lima Verde) explica para Serafina Rosa (Carla Marins) que Claude (Claudio Lins) resolveu ir atrás dela, para dizer que não seria despedida e que tudo foi precipitação de Egídio (Carlo Briani). Nara (Monica Carvalho) fica enfurecida com a volta da secretária ao cargo, e promete ao pai Egídio (Carlo Briani) que Claude (Claudio Lins) jamais vai se casar com outra. Roberta (Isadora Ribeiro) afirma para a amiga Alabá (Patrícia Dejesus) que Claude (Claudio Lins) é apenas um amigo. Alabá (Patrícia Dejesus) alerta que percebe uma mudança de comportamento na amiga quando ela fala com o empresário. Mr. Smith (Roberto Arduim) se despede de Serafina Rosa (Carla Marins) e avisa Claude (Claudio Lins) que ele tem uma “joia preciosa” na empresa. O francês promete cuidar bem dela. Gurgel (Daniel Uemura) entrega as flores com a dedicatória “uma rosa com amor” para Serafina Rosa (Carla Marins) e pergunta à colega quando ela pretende apresentar o misterioso namorado. Giovani (Edney Giovenazzi) se preocupa com os comentários no cortiço sobre a filha, que teria um novo homem, e conversa com Amália sobre a felicidade da secretária. Claude (Claudio Lins) explica para Egídio (Carlo Briani) que Serafina Rosa (Carla Marins) é amiga de Mr. Smith (Roberto Arduim), falou bem da empresa a ele, e que não pode ser demitida. Furioso, Egídio (Carlo Briani) entende a situação e sai da sala. Egídio (Carlo Briani) comunica Serafina Rosa (Carla Marins) que não será mais demitida e pede para ela não chegar atrasada ao trabalho. Serafina Rosa (Carla Marins) responde que nunca chegou atrasada na empresa.

Egídio (Carlo Briani) revela para Nara (Monica Carvalho) que contratou uma pessoa para atrasar o processo do visto de permanência de Claude (Claudio Lins). Com a demora do visto, Egídio (Carlo Briani) espera que Claude (Claudio Lins) passe a intermediação do negócio para ele e Nara (Monica Carvalho), para poder ter a posse dos US$ 10 milhões. Pepa (Jussara Freire) “interroga” Serafina Rosa (Carla Marins) sobre o misterioso homem do táxi. Serafina Rosa (Carla Marins) nega o romance e esclarece tudo. Afrânio (Nilton Bicudo) confessa para Pepa (Jussara Freire) que é apaixonado por Serafina Rosa (Carla Marins) porque ela é parecida com Bonamina, antigo amor de sua juventude. Serafina Rosa (Carla Marins) conta para Pimpinoni (João Acaiabe) que se sentiu feliz após ser procurada por Claude (Claudio Lins) por vários restaurantes e de ter sido defendida por ele na empresa. Pimpinoni (João Acaiabe) percebe que a amiga está apaixonada pelo empresário. Nara (Monica Carvalho), deslumbrante e bem-humorada, influenciada pelos planos do pai, anuncia aos filhos Beto (Fábio Rhoden) e Raquel (Marina Stacciarini) que daqui para frente será uma mulher prática e objetiva. Giovani (Edney Giovenazzi) se incomoda com o agarramento de Terezinha (Sabrina Balsalobre) e Milton (Felipe Lima) no sofá. Nara (Monica Carvalho) liga para Claude (Claudio Lins), Dádi (Mila Ribeiro) atende e passa o telefone ao empresário. Nara (Monica Carvalho) seduz Claude (Claudio Lins), dizendo que o perdoou pela readmissão da secretária. Nara (Monica Carvalho ) faz o empresário procurá-la e, depois de desligar o telefone, comemora a vitória com o pai, de olho nos milhões de dólares. Serafina Rosa (Carla Marins) prova um vestido de casamento para a costureira e ex-atriz Joana (Lúcia Alves). Sérgio (André Cursino) conta para a mãe Joana (Lúcia Alves) que recusou uma proposta indecente para entrar no elenco de um filme internacional. Serafina Rosa (Carla Marins) chora por sua solidão, depois de ver um filme com casamento e final feliz. Frazão (Toni Garrido) sugere a Claude (Claudio Lins) contratar uma noiva de mentira para conseguir o visto logo. Claude (Claudio Lins) espirra. Frazão (Toni Garrido) propõe ao francês um casamento de aparências com Serafina Rosa (Carla Marins).

0

6

6 серия
Sábado, 06/03/2010
Milton esbarra em Raquel e tenta seduzir a garota

Frazão (Toni Garrido) avisa Claude (Claudio Lins) que Serafina Rosa (Carla Marins) precisa de um milhão de reais para comprar o casarão do Bexiga e salvar a família e seus vizinhos do despejo. O advogado da construtora sugere que o francês dê um milhão de reais à secretária, em troca do casamento de mentira. Giovani (Edney Gionenazzi) e o advogado Antoninho (Rubens Caribé), irmão mais velho de Milton (Felipe Lima), conversam sobre o despejo. Antoninho (Rubens Caribé) afirma que existe apenas uma saída a Giovani (Edney Giovenazzi): comprar o casarão. Egídio (Carlo Briani) alerta Nara (Monica Carvalho) que suas reservas de dinheiro estão chegando ao fim. Para ele, os US$ 10 milhões de Mr. Smith (Roberto Arduim) são a salvação da família. Egídio (Carlo Briani) relembra que Beto (Fábio Rhoden) não é filho de Nara (Monica Carvalho), mas de um amante, e reforça que a filha não pode deixar Claude (Claudio Lins) casar de mentira. Em conversa com Claude (Claudio Lins), Frazão (Toni Garrido) aposta que Serafina Rosa (Carla Marins) aceitará a proposta de casamento de aparências, para poder comprar o imóvel do Bexiga. Roberta (Isadora Ribeiro) avisa Claude (Claudio Lins) que não conseguiu a liberação do visto, porque o empresário tem um antecedente criminal, de uma época que dirigiu bêbado pelas ruas da França, nos tempos de juventude, e foi pego pela polícia. Claude (Claudio Lins) pede Roberta (Isadora Ribeiro) em casamento, mas a atriz, argelina, está em processo de divórcio e recusa. Sem outra opção, Claude (Claudio Lins) aceita pagar um milhão de reais para casar com Serafina Rosa (Carla Marins).

Joana (Lúcia Alves) pede para Sérgio (André Cursino) jamais deixar de ter dignidade e não se vender, em sua carreira de ator. Antoninho (Rubens Caribé) avisa aos moradores que eles terão que deixar o cortiço, se Giovani (Edney Giovenazzi) não comprar o casarão. Claude lembra Frazão (Toni Garrido) que Serafina Rosa (Carla Marins) tem um namorado que manda flores todos os dias. Frazão (Toni Garrido) responde que o tal sujeito nunca liga nem aparece. Milton (Felipe Lima) esbarra em Raquel (Marina Stacciarini) e tenta seduzir a garota. Frazão (Toni Garrido) revela a proposta de casamento de aparências, com pagamento de um milhão de reais, para Serafina Rosa (Carla Marins). Ela fica surpresa. Giovani (Edney Giovenazzi) sai para vender balas na saída do colégio, enquanto Amália (Betty Faria) fica no cortiço, rezando para Santo Antônio casar Serafina Rosa (Carla Marins). A secretária responde a Frazão (Toni Garrido) que quer ouvir a proposta do próprio Claude (Claudio Lins). Frazão (Toni Garrido) chama Claude (Claudio Lins) por telefone. Beto (Fábio Rhoden) informa para mãe Nara (Monica Carvalho) que seu pai Carlos enviou um e-mail afirmando que tem sangue O positivo. Beto (Fábio Rhoden) fala para a mãe que não pode ser filho dela, pois tem sangue A positivo, e conclui que foi adotado ou não é filho biológico de Carlos. Claude (Claudio Lins) chega ao topo do edifício e entra no heliponto. Frazão (Toni Garrido) deixa o local. Depois de espirrar, Claude (Claudio Lins) pede Serafina Rosa (Carla Marins) em casamento.

0

7

7 серия
Segunda-feira, 08/03/2010
Nara tenta agradar Claude

Serafina Rosa pede um tempo para pensar se aceita o pedido de casamento de Claude. Beto promete para Nara que vai descobrir se é um filho adotado. Raquel convida Sérgio para uma festa badalada. Joana pede para Antonieta falar de seu passado. Antonieta afirma que o passado já foi, despede-se e sai. De volta ao escritório, Claude pede sigilo a Serafina Rosa. A secretária garante que responderá à proposta de casamento no dia seguinte.
Gurgel e Janete perguntam a Serafina Rosa o que aconteceu no heliponto, mas ela não responde. Em seu imaginário, Serafina Rosa relembra o pedido de Claude no heliponto, sorri e cheira o perfume de uma rosa. Beto atropela um homem na rua e foge. Frazão desconfia do convite de jantar e dos agrados de Nara para Claude. Frazão avisa o empresário que pode ser uma armação.

Nara tenta agradar Claude. Pepa faz troça do jeito de falar fanho de Afrânio. A fofoqueira Pepa acusa Serafina Rosa de sair com homem casado, e Afrânio defende a secretária. Serafina pede conselhos para Pimpinoni sobre casamento. Serafina desabafa com Pimpinoni que o mundo resolveu brincar com ela. Serafina diz ao pai Giovani que o propritário do cortiço deve fazer um desconto na compra do casarão à vista, pois muitos moradores não teriam para onde ir em caso de despejo, e demorariam para mudarem-se. Egídio dá a ideia a Claude de passar a firma para o nome de Nara enquanto não sair o visto, para que a empresa possa receber o investimento estrangeiro. Beto flagra Claude e Nara, entra na sala e assusta o casal. Claude derruba champanhe no pulôver. Beto se oferece para limpar e encharca o pulôver de água. Claude acusa Beto de estar contra o casamento dele com Nara.

0

8

8 серия
Terça-feira, 09/03/2010
Afrânio estranha a atitude de Serafina Rosa

Joana não gosta de ver o filho Sérgio sair com Raquel sem dinheiro para pagar a entrada da balada. Joana tira o dinheiro de sua reserva e dá a Sérgio. Pepa arranca as roupas de Afrânio do varal. Pimpinoni aparta a briga entre os dois. Serafina Rosa comenta com a irmã que pode cometer uma maluquice e se casar. Serafina Rosa sonha que está casando com Mr. Smith, Frazão e Claude ao mesmo tempo. Serafina Rosa acorda do “sonho” assustada. Antoninho afirma para Janete que Serafina não tem namorado. Janete diz o contrário, que Serafina Rosa espalha para todos da construtora que tem namorado e ainda recebe flores. Janete conclui que Serafina Rosa engana os colegas de trabalho ou sua família. Sérgio flagra Milton falando ao pé do ouvido de Raquel. Sérgio manda Milton se afastar de sua namorada. Antoninho aparece e separa Milton de Sérgio. Raquel repreende Sérgio. Claude reclama de Beto para Dádi e planeja se vingar do garoto.

Serafina Rosa contempla vestido de noiva da vitrine de uma loja e imagina-se dentro dele. Terezinha revela para Afrânio que Serafina Rosa saiu para trabalhar com maquiagem e cílio postiço. Afrânio estranha a atitude de Serafina Rosa. Janete conta para Serafina Rosa que Antoninho contou que ela não tem namorado. Serafina responde que não fala sobre a vida pessoal. Em seguida, suas rosas chegam no escritório.Nara pede a Egídio para mandar Beto para fora do Brasil. Raquel reprova a atitude de Beto. Serafina Rosa sente-se ansiosa no momento de decidir se casará com Claude. Beto ameaça sair de casa. Elisa conta para Beto que Nara e Egídio pretendem mandá-lo para fora do país, para fazer intercâmbio. Para vingar-se de Beto e conseguir o visto, Claude anuncia a Frazão que casará com Nara no exterior, sem perceber que Serafina Rosa está na sala.

0

9

9 серия
Quarta-feira, 10/03/2010
Terezinha liga a Milton para tirar satisfações

Serafina Rosa sai da sala de Frazão, olha a interpelação judicial do casarão e sente vontade de chorar. Frazão contesta a decisão de Claude casar com Nara e vê risco no negócio com os americanos. Claude promete falar com Mr. Smith sobre a possibilidade de colocar a construtora no nome de Nara até sair o visto. Afrânio e Pepa disputam o tanque de lavar roupa. Nara conversa com Erci e diz que tem novidades sobre seu casamento com Claude. Gurgel e Janete percebem que Serafina Rosa está agindo de maneira estranha. Pepa diz para Antonieta que Afrânio está com ciúme de Serafina Rosa e do “namorado mais velho”. Em conversa com Raquel, Nara apoia o intercâmbio de Beto nos Estados Unidos, com a proteção do pai do garoto, Carlos. Serafina Rosa fala para Janete que está “revoltada com os homens”. Claude pede para Serafina digitar uma lista de convidados.

Serafina Rosa imagina que é a lista do casamento do empresário com Nara, e chora. Claude se surpreende com a reação de Serafina Rosa e ouve dos funcionários que ela brigou com o namorado. Sergio conta para Terezinha que pegou Milton seduzindo Raquel. Sérgio revela que Milton entregou um cartão pessoal a Raquel, na rua, antes da balada. Terezinha fica enfurecida e afirma que não quer mais olhar para a cara de Milton. Terezinha liga a Milton para tirar satisfações, mas acaba aceitando as desculpas do namorado. Claude argumenta para Frazão que é melhor casar de verdade com Nara do que de mentira com Serafina Rosa. Nara afirma para Egídio que quer pegar os US$ 10 milhões antes do casamento. Erci revela para Frazão que Egídio roubou todo o dinheiro do ex-marido de Nara, com a ajuda da filha.

0

10

10 серия
Quinta-feira, 11/03/2010
Nara finge estar feliz com a decisão

Erci alerta Frazão sobre o perigo de Claude casar com Nara e passar a empresa para o nome dela. Antoninho defende Milton para os pais de Terezinha. Sérgio demonstra para a mãe Joana toda sua preocupação com o fato de Raquel pertencer a outra classe social. Sérgio comenta com Afrânio e Joana que desconfia que o dono do casarão pediu o imóvel porque Giovani permitiu que muita gente entrasse ali. Serafina lamenta com Pimpinoni que perdeu a chance de casar e ganhar o dinheiro para evitar o despejo. Pimpinoni afirma que foi melhor assim, pois Serafina Rosa tem tudo para encontrar outro bom homem, sem interesse. Pimpinoni mostra a Serafina uma boneca que está reformando para dar à filha da lavadeira. Pimpinoni acalma Serafina Rosa, dizendo que Deus escreve certo por linhas tortas. Pepa provoca Afrânio, sugerindo que ele levou um fora de Serafina Rosa. Beto avisa Nara, Egídio e Claude que pretende ficar no Brasil por alguns anos.

Nara finge estar feliz com a decisão. Beto denuncia que Nara quebrou a empresa do seu pai e ainda acabou com o dinheiro dele. Claude pergunta para Nara sobre a empresa e a sociedade com o seu ex-marido, e se preocupa. Beto afirma a Claude que se ele casar com Nara, terá prejuízo. Dádi resolve atender com mais mimo Claude, para evitar que ele se case. Frazão pergunta para Serafina Rosa se ela ainda aceita casar com Claude. Longe de São Paulo, Alabá e Roberta confessam que sentem saudade de Claude. Nara pede para o pai Egídio afastar Beto de casa. Frazão esclarece para Serafina Rosa que a lista de convidados é para a inauguração do escritório de São Paulo. Frazão recomenda que Serafina Rosa diga “sim” a um futuro pedido de casamento de Claude. Frazão garante que o empresário vai voltar atrás, para casar com a secretária.

0

11

11 серия
Sexta-feira, 12/03/2010
Afrânio pergunta sobre o falecido marido de Pepa

Serafina Rosa diz a Frazão que vai pensar se aceita casar com Claude. Janete pergunta para Serafina Rosa se ela tem caso com Frazão. A secretária nega. Egídio discorda da ideia de Nara mandar Beto para o exterior, com receio de perder a mesada de Carlos. Nara insiste em expulsar Beto de casa. Preocupado com os vizinhos, Giovani revela para Amália que fará promessa a São Genaro para ganhar um milhão e comprar o casarão. Joana recomenda ao filho Sérgio uma segunda profissão, além da carreira de ator. Joana alerta a Sérgio que, apesar da energia da coxia, da platéia que ri e se emociona, o ator deve ter um “plano B”. Afrânio pergunta sobre o falecido marido de Pepa e os dois brigam. Claude pede a Mr.Smith permissão para casar com Nara e colocar a empresa no nome dela. Mr. Smith responde que vai consultar a esposa e que enviará a sua decisão por e-mail. Mr. Smith se despede de Rosa e viaja para os Estados Unidos.

Gurgel e Janete reparam no respeito e carinho que Mr. Smith tem por Serafina Rosa. Claude fala com Egídio e seus advogados sobre o contrato social da empresa. Claude pede que Nara seja a acionista majoritária e ele seu procurador. Frazão afirma para o empresário que a decisão é precipitada. Frazão pergunta para Alabá se Roberta conseguiu aglilizar o processo do visto. Alabá diz que não e Roberta sorri. Beto diz a Egídio que prefere continuar a estudar no Brasil. Com a voz do boneco Arlequim, Pimpinoni garante a Serafina Rosa que ela está apaixonada por Claude. Serafina Rosa fica confusa. Depois, suspira, apaixonada. Chega a resposta de Mr.Smith, por e-mail. Desanimado, Claude anuncia a Frazão que Mr. Smith e os seus sócios não aceitam investir em uma empresa que esteja no nome de outra pessoa. Mr. Smith comunica que o prazo para Claude providenciar o visto não será prorrogado. Claude pergunta a Frazão onde arranjará outra noiva. Em seguida, Serafina Rosa entra na sala de Claude. O empresário confessa a Serafina Rosa que mudou de ideia e quer se casar com ela imediatamente.

0

12

12 серия
Sábado, 13/03/2010
Egídio descobre que Claude cancelou as passagens

Claude explica para Serafina Rosa que terão que declarar que um dos dois está doente, à beira da morte. Claude afirma que, assim, o casamento pode ser realizado na hora. Claude declara para Serafina Rosa e Frazão que a ideia de casamento de aparências é uma loucura. Serafina Rosa não sabe se aceita a proposta do casamento. Depois de pensar um pouco, Serafina Rosa aceita. A secretária pede uma grinalda e flor de laranjeira. Erci e Roberta conversam sobre os preparativos da festa de comemoração do casamento de Nara e Claude. O empresário manda o advogado Freitas fazer a papelada do casamento “in-extremis” (em causa mortis) com Serafina Rosa. Freitas recomenda a Claude que o casamento com Claude seja feito em um hospital e que a noiva simule que esteja morrendo.

Serafina sai da construtura e vai ao Bixiga para pedir autorização do pai Giovani para casar. Sérgio cumprimenta Raquel na rua, Milton vê e sente ciúme. Joana aconselha Serafina Rosa a aceitar casar com Claude, e pede para fazer o vestido de noiva. Giovani cobra a lição de casa de Dino. Serafina Rosa não consegue falar com os pais Giovani e Amália. Sozinha na sala de casa, decide casar. A secretária avisa Terezinha e Dino que vai demorar para voltar para casa, à noite, porque vai casar. Claude pede para Gurgel cancelar a viagem que faria com Nara para o exterior. Egídio descobre que Claude cancelou as passagens e as diárias do hotel. Claude explica para Egídio que não pode viajar e deixar para trás os problemas da firma. Serafina Rosa entra na sala e anuncia para Claude que “aceita”, na frente de Egídio. Claude e Frazão ficam agoniados. Serafina Rosa afirma que Claude e Frazão podem “tocar tudo que ela topa”. Egídio pergunta a Serafina Rosa: topa o quê?

0

13

13 серия
Segunda-feira, 15/03/2010
Amália lamenta que Terezinha não possa estudar em tempo integral

Frazão inventa a desculpa de que precisa de Serafina no escritório até mais tarde, e Egídio acredita. Serafina Rosa planeja comprar um vestido de noiva, véu, grinada, flores. Janete e Gurgel conversam sobre um suposto triângulo amoroso entre Serafina, Mr.Smith e Frazão. Nara ameaça não emprestar o carro para Beto. Claude e Serafina acertam os detalhes do casamento. A secretária exige um milhão de reais e a cerimônia com vestido de noiva, véu, grinalda e buquê.
Contrariado, Claude aceita. Serafina volta ao escritório e faz mais um pedido: uma foto do casamento para ela guardar de lembrança. Claude não acredita no que ouve e bate com o punho na mesa. Claude pede para Janete refazer uma carta que amassou depois de ficar nervoso com Serafina. Egídio conta para Nara que Claude cancelou a viagem do casal. Nara decide ir à construtora Claude Geraldy para tirar satisfação com o noivo.

Serafina vê vestidos, grinaldas e véus em uma vitrine. Serafina anda cinco quarteirões com Frazão e não acha o vestido ideal. Freitas avisa a Claude que fez o acerto para a realização do casamento, com o escrivão, juiz, as testemunhas e a equipe do hospital. Claude desabafa com Freitas que nunca pensou que casaria com uma “louca” num hospital. Claude avisa Frazão que pretende ir à festa de Nara depois do casamento. Serafina lamenta para Frazão que ninguém da família estará presente no casamento. Alabá convida Roberta para ir à festa de Claude e Nara, mas a atriz recusa. Serafina prova o vestido e pede a guinalda de flor de laranjeira. Serafina ajusta o vestido na loja e avisa Frazão que precisam procurar um fotógrafo. Frazão se espanta. Dino explica para os garotos do Bixiga que Pimpinoni é um ventríloquo e dá voz ao boneco Arlequim. Dino lembra que Serafina fez Colombina e Sérgio o Pierrô.

Sérgio comenta com Joana que vai conhecer a família de Raquel. Pimpinoni fala com Pepa e diz que foi entregar bonecas de louça a uma criança e pegou trânsito para voltar para casa. Pepa avisa Pimpinoni que Serafina o procurou. Joana revela para Pimpinoni que Serafina queria avisá-lo que ela recebeu um pedido de casamento. A secretária queria um conselho dele. Pimpinoni fica preocupado. Amália lamenta que Terezinha não possa estudar em tempo integral. Terezinha fala para a mãe que está feliz em poder ajudar no sustento da família. Pimpinoni conversa com Amália sobre Serafina, mas não conta sobre o casamento. Serafina comemora ter economizado dinheiro na compra do vestido. Serafina avisa Claude que vai casar com vestido e grinalda. Claude se desespera. Claude fica furioso e Serafina ansiosa e eufórica. Freitas sorri da situação. Serafina pede para ir ao local do casamento em carros separados, para não trazer azar. Na saída do elevador do prédio, Nara e Erci aparecem e veem Serafina, Claude, Frazão e Freitas.

0

14

14 серия
Terça-feira, 16/03/2010
Claude chega para o casamento “in extremis”

Frazão dá uma desculpa a Nara, dizendo que todos vão resolver um entrave burocrático com Mr. Smith. Serafina sente ciúmes dos mimos de Claude com Nara. Serafina, Freitas e Frazão seguem para o hospital. Pimpinoni pergunta sobre Serafina e percebe que Giovani não sabe sobre o casamento. O fotógrafo chega atrasado na construtora. Pimpinoni pensa numa maneira de impedir o casamento. Claude avisa Nara que vai atrasar para a festa. Pepa e Afrânio discutem sobre amor. Serafina lamenta ter de se casar num quarto de hospital. Dino alerta os pais que Serafina pediu para avisar que, se demorar para chegar, tem um motivo: foi casar. Amália não acredita em Dino. Pimpinoni procura Serafina na construtora e acha um cartão deixado por Serafina para o fotógrafo, antes dele chegar na construtora, pensando que ele fosse se atrasar.

Pimpinoni vê o endereço e vai para o hospital. O médico afirma para o juiz que Serafina deu entrada no hospital dizendo que estava muito mal, com medo de morrer, e solicitou o casamento. Serafina toma calmante, ansiosa por esperar Claude, atrasado para o casamento. Nara desconfia e pergunta a Frazão sobre a negociação importante que Claude terá de fazer. Nara fica irritada com a desculpa de Frazão. Claude chega para o casamento “in extremis”. Pimpinoni aparece, logo em seguida. Raquel apresenta Sérgio ao irmão Beto. Beto destrata Sérgio e Raquel repreende o irmão. Claude resolve entrar no salão, para esperar a entrada de Serafina Rosa. Freitas relembra à “noiva” que o casamento é “in extremis”, ela deve parecer que está à beira da morte.

Serafina ajeita a grinalda. Serafina recusa-se a entrar no salão deitada na maca, como se fosse uma “quase morta”. Frazão lembra da família e de seus vizinhos à beira do despejo, e convence Serafina a casar na maca. Serafina deita na maca e é levada ao salão. No momento que Serafina entra no corredor, rumo ao salão do casamento, Pimpinoni chama a amiga. Pimpinoni aconselha Serafina a não trocar sua felicidade por dinheiro nenhum.

0

15

15 серия
Quarta-feira, 17/03/2010
Amália torce para que a filha tenha arranjado um namorado

Raquel apresenta Sérgio a Nara. Sérgio explica para Nara que é ator iniciante. Nara descrimina Sérgio, dizendo que o rapaz é ator de “pecinha infantil” e filho de costureira. Nara recomenda que a filha Raquel namore alguém da mesma classe social que ela. Pimpinoni explica a Frazão que os pais de Serafina acreditam em casamento de verdade, que dure a vida inteira. Frazão e Freitas deixam Pimpinoni e Serafina a sós. Pimpinoni pede para Serafina não casar. Pimpinoni afirma que felicidade não se compra. Giovani se preocupa com o atraso de Serafina e pede para Milton ligar para a secretária. Serafina confessa para Pimpinoni que está gostando de Claude e que vai casar para ajudá-lo a conseguir o investimento na construtora. Pimpinoni resolve não assistir à “cerimônia” e torce para que o casamento de Serafina tenha um final feliz.

Serafina entra no salão ao som da marcha nupcial. Claude fica furioso com o som. O juiz pergunta para Serafina se ela aceita casar com Claude. A secretária não responde. Pimpinoni sai do hospital, triste e devagar. Depois de uma tosse, Serafina diz "sim“ ao juiz. Claude também diz “sim”, entusiasmado. Feliz, Serafina sorri para o “marido”. Claude espirra. Amália e Giovani falam de Serafina, que não chega em casa. Amália torce para que a filha tenha arranjado um namorado. Antonieta comenta com Pepa que está apreensiva porque a filha viajou para o exterior. Antonieta fala para Pepa que terá que criar seus dois netos e o que ganha de pensão é pouco. Sérgio vai para casa, mas antes promete ligar a Raquel para sairem no dia seguinte. O juiz anuncia que o noivo pode beijar a noiva. Claude beija Serafina na testa. O fotógrafo pede para Claude repetir o beijo. Claude revolta-se com a ideia de Serafina contratar um fotógrafo. Serafina dá um selinho em Claude. O francês fica paralizado. O fotógrafo faz a foto do beijo, Claude fica perplexo. Beto tenta seduzir Elisa.

Beto cobra explicações da mãe sobre sua paternidade. Milton pede para Terezinha mentir ao pai, dizendo que vai dormir com uma amiga, para passarem uma noite juntos. Pimpinoni pede para Terezinha avisar Giovani que não precisa se preocupar com Serafina. Dino conversa com Amália sobre a importância de estudar e trabalhar. Depois de receber o recado de Terezinha, Amália estranha a mudança de comportamento de Pimpinoni, que antes estava desesperado com a ausência de Serafina. A secretária explica a Claude que foi ela quem contratou o fotógrafo. Claude pede para Frazão ir atrás das fotografias, que podem expor sua imagem ao ridículo. Claude se irrita com a “esposa”. O empresário paga Serafina com um cheque de um milhão de reais. Frazão brinca com Claude, e pede que o casal brigue somente nos próximos anos. Serafina avisa para Claude que ficaria mais nervoso se tivesse casado com Nara. Claude pergunta como Serafina se atreve a falar mal de Nara. Serafina retruca, e pergunta como Claude se atreve a falar desse modo grosseiro com a sua “esposa”, ela mesma. Pepa convida Antonieta e os dois netos para morar no cortiço dela. Antonieta e Joana ficam desconfiadas com a simpatia de Pepa. Antonieta avisa que Joãozinho tem 9 anos, e Miriam 8.

Antonieta agradece o convite, e aceita morar com Pepa. Serafina adverte Claude de que Nara é barraqueira. Em seguida, a secretária confere se está tudo certo com o cheque entregue pelo “marido”. Claude diz a Serafina que não precisa de mais nada dela, apenas a assinatura do divórcio, dentro de três meses. Serafina pede que Claude dê uma ideia: o que fazer com o buquê? Claude pede que ela faça o que quiser com o buquê. Serafina exige o jantar que Frazão prometeu. Claude diz a Claude que o convite para jantar é uma maluquice. Claude afirma para Frazão que Serafina tem a capacidade de irritá-lo até quando ele está de bom humor. Frazão brinca com Claude, dizendo que a lua de mel poderia ser obrigatória. Com a ausência de Claude, Nara suspeita que o noivo pretende desistir do casamento. Egídio pede calma para Nara, e lembra que o importante é passar a empresa para o nome dela, para a golpista assinar o acordo com os americanos. Claude reclama para Frazão que o jantar marcado para Serafina vai atrasar ainda mais sua chegada na festa de Nara. Frazão guarda as roupas do casamento no porta-malas do carro. Todos seguem para jantar.

0

16

16 серия
Quinta-feira, 18/03/2010
Giovani vê a filha Serafina bêbada e exige uma explicação

No restaurante com Serafina e Frazão, Claude avista um casal conhecido e fica tenso. Serafina derruba estrogonofe na camisa de Claude. A secretária tenta limpar, mas o francês pede que ela se afaste. Serafina deseja sucesso nos negócios para Claude, em voz alta. Nervoso com a presença dos conhecidos na outra mesa, o empresário pede para Serafina falar mais baixo. Serafina responde que a avó dizia a ela que se fala baixo, Deus não escuta. O casal conhecido de Claude comenta a situação, com jeito de desaprovação. Nara fica agoniada com a ausência de Claude na festa de despedida dos dois. Serafina confessa que está tonta depois de tomar duas taças de champanhe depois do calmante. Claude repreeende a “esposa” e diz que não poderia misturar remédio com alcool. Serafina explica que é filha de italianos e, por isso, quando bebe “o volume da voz aumenta”. Em seguida, lembra que esqueceu de algo importante. Frazão e Claude ficam atônitos. Serafina avisa que esqueceu de jogar o arroz nela e em Claude, na saída do hospital, para dar sorte.

Claude dá graças a Deus por Serafina não ter jogado o arroz. Claude e Serafina se abraçam na saída do restaurante. Serafina sai do local tonta e sorridente. Frazão sorri da situação. Os conhecidos de Claude reprovam a cena, acham um absurdo o que veem. Pimpinoni avisa Joana de que o problema do cortiço está resolvido, apesar do preço muito alto. Joana não entende o que Pimpinoni quis dizer. Claude paga o táxi para Serafina e vai para a festa sem se despedir da “esposa”. Serafina reclama que vai passar a lua de mel sozinha. Claude chega na festa e dá a desculpa que foi tratar de negócios em outro restaurante. Amália e Giovani se preocupam mais com Serafina, que não chega em casa. Pepa discute com Afrânio e lamenta que o garçom fique atrás de Serafina quase o tempo todo. Afrânio e as fofoqueiras Antonieta e Pepa veem Serafina sair do carro de Frazão. Frazão pergunta pelo cheque e Serafina não sabe responder onde colocou. Serafina acha o cheque. Frazão avisa que o cheque é ao portador, qualquer um pode tirar o dinheiro no banco. A secretária agradece Frazão por tudo o que fez por ela.

As fofoqueiras fazem comentários maldosos sobre o pileque de Serafina. Afrânio defende a secretária. Giovani vê a filha Serafina bêbada e exige uma explicação. Serafina fala que saiu com alguns amigos e comeu estrogonofe num restaurante. Serafina sorrri e depois sente vontade de chorar. Milton e Terezinha levam a secretária até o quarto. Giovani e Amália ficam bravos, às turras. Antes de dormir, Serafina afirma para Amália que sua mãe não rezou direito para Santo Antônio. Amália olha para Serafina, preocupada. Sérgio desabafa com a mãe Joana, dizendo que Nara menosprezou sua carreira de ator. Joana consola Sérgio e afirma que confia no sucesso do filho. Depois de despedir-se de Milton, Amália mente e diz que Serafina teve uma dor de dente e explica que ela misturou uma taça de champanhe com calmante. Frazão inventa para Egídio que Claude teve que acabar com uma amante, para abrir caminho para o casamento com Nara. Egídio reage aliviado. Claude e Nara dançam em clima nada romântico. Em seus pensamentos, Claude conclui que Nara não pode desconfiar que é “casado”.

Nara percebe que Claude esconde algo, mas promete para si descobrir esse segredo. Pepa vai xeretar o que aconteceu com Serafina e alerta Amália que a secretária chegou com um homem bonito e alto, num carro de luxo. Amália informa Pepa que a filha chegou do dentista, no carro de um colega do trabalho. Pepa desconfia. Terezinha fica revoltada com a cara de pau de Pepa. Amália fica intrigada com o que aconteceu com Serafina. Amália reza para Santo Antônio e pede perdão pelo comportamento da filha. Amália vai até a cama de Serafina e pergunta à filha por qual motivo ela disse que a mãe não rezou direito para Santo Antônio. Serafina confessa que falou aquilo à Amália porque casou de mentirinha, somente no papel. Amália reage apavorada e diz que aconteceu justamente o que imaginava.

0

17

17 серия
Sexta-feira, 19/03/2010
Claude lembra de momentos pitorescos de Serafina

Amália não se conforma e pergunta como Serafina pôde casar sem avisar seus pais. Serafina responde que vai continuar solteira. Amália imagina que Serafina não sabe o que fala e a deixa dormir. Frazão avisa Claude que terá que avisar Nara sobre o cancelamento do casamento e do fim da transferência dos negócios para o nome dela. Serafina sonha que está casando com o apresentador Beto Marden, que diz ser casado e depois desaparece. No lugar de Marden, aparece Sérgio com máscara de Arlequim. No momento que a secretária vai casar com Arlequim, o vendedor de flores interrompe a cerimônia, e entrega uma rosa com a dedicatória “Para Dona Serafina Rosa, uma rosa com amor”. Em seguida, o vendedor anuncia aos convidados que é a secretária quem encomenda as flores para si mesma. No momento que Serafina insinua que vai desmaiar, Claude aparece e avisa que vai protegê-la, ressaltando que já estão casados.

Claude, Arlequim e Marden revezam-se nos braços de Serafina e depois somem. Serafina acaba dançando valsa sozinha, em seu sonho. Claude avisa Dádi que casou. A empregada não acredita no patrão. Claude sente pena de Serafina e depois vai dormir. Ao deitar, pensa como um empresário como ele casou com uma mulher como dona Rosa. Claude lembra de momentos pitorescos de Serafina – aquele que ela entra de vestido na maca, o selinho dos “noivos”, o arroz esquecido - antes dela casar com o empresário. Logo depois, Claude lembra que Frazão disse a ele que Serafina quis casar para ajudar a família e seus vizinhos, e não pelo dinheiro. Perdido, com olhar sereno, Claude conclui que foi muito indelicado com Serafina. Nos pensamentos de Claude, a secretária o livrou de uma grande enrascada. Serafina imagina ter o nome Serafina Rosa Petroni Geraldy. Claude lembra que o nome da secretária agora tem seu sobrenome, mas prefere não pensar nesse assunto. O empresário, aliviado, tem a certeza de que o casamento terminará em três meses. Amália espera Giovani, Terezinha e Dino sairem de casa. Amália, apreensiva com a situação de Serafina, fica sozinha em casa para conversar com a filha.

Pepa espalha para o cortiço que Serafina chegou bêbada em casa. Afrânio defende a secretária. Terezinha explica para o pai Giovani que Serafina teve dor de dente e passou por um tratamento de canal. Antes de sair para trabalhar, Giovani manda Terezinha avisar Serafina que quer ter uma conversa com a filha no horário do almoço. Janete comenta com Egídio que Serafina vai chegar atrasada porque teve uma indisposição. Depois de acordar, Serafina é interrogada por Amália. Serafina diz para a mãe que seu chefe casou, passou mal na comemoração e foi levada para casa por um dos diretores da construtora. A secretária inventa que foi por esse motivo, o casamento do chefe, que Amália não rezou direito para Santo Antônio. Amália continua preocupada. Terezinha vai pegar um comprimido para dor de cabeça na bolsa de Serafina e acha o cheque. Terezinha percebe a gravidade da situação, descobre a verdade do casamento de Serafina e senta na cama com o cheque na mão, desolada, perplexa e pensativa. Amália entra no quarto de Terezinha e pega o cheque da mão de Terezinha. Amália vê o valor do cheque e se assusta. Serafina afirma para a mãe Amália que recebeu o dinheiro honestamente, por um serviço prestado. Serafina salienta que o dinheiro é da família, para comprar o casarão.

Claude reafirma para Dádi que casou no papel, para garantir o investimento de 10 milhões de dólares na construtora. Para Claude se livrar de Nara, Dádi sugere alguns truques do patrão, como na época que dispensou uma condessa francesa graças a um telegrama, que informava que a mãe passava mal; assim Claude embarcou para a Austrália e fugiu do casamento. E aquele truque da perna quebrada: Dádi lembrou que o francês colocava uma bota ortopédica para afastar a noiva dele, que desistiu do empresário depois de três meses. Claude explica para a funcionária que, desta vez, é diferente: não quer casar com Nara, porém quer ficar com ela. Dádi brinca com Claude e pronuncia o nome de sua nova “esposa”: Serafina Rosa Petroni Geraldy. Pimpinoni ouve as fofoqueiras e pondera se não seria melhor o cortiço acabar.

Pepa não entende o que ele diz. Joana tenta reanimar Sérgio, depois da humilhação na festa de Nara, na noite passada. Beto brinca com a mãe e diz que Claude chegou muito tarde na festa. Egídio reclama do atraso no trabalho para Serafina. Egídio adverte Serafina e afirma que seu relatório, que deveria ser distribuído no dia anterior, é urgente. Claude entra na sala e informa Egídio que Serafina não pôde fazer o serviço porque a secretária trabalhou a tarde toda do dia anterior para ele. Serafina sorri com a defesa de Claude.

0

18

18 серия
Sábado, 20/03/2010
Sérgio e Joana leem juntos um poema

Beto insinua que Claude está enganando Nara. Nara ignora Beto. Claude defende Serafina e diz a Egídio que assume a responsabilidade pela saída repentina dela na tarde do dia anterior. Egídio fica sem graça e Serafina se sente vitoriosa e sorri. Serafina exige desculpas para Egídio. O sócio de Claude atende ao pedido da secretária. Feliz, Serafina sente vontade de chorar de alegria. Frazão revela para Claude que mentiu para Egídio sobre o jantar da noite passada. Frazão diz que contou a Egígio que o francês teve que resolver uma pendência com uma amante. Claude relembra Frazão que casou com Serafina, “louca e insuportável”, pelo dinheiro. Roberta liga para Claude e avisa que conseguiu o atestado de antecedentes do empresário em Paris. Claude fica arrasado.

Claude declara para Frazão que casou com Serafina à toa. A secretária ouve tudo. Terezinha rejeita as fofocas do cortiço com críticas à bebedeira de Serafina. Roberta e Alabá conversam sobre a ausência de Claude na festa. Serafina entra na sala de Claude e se diz disposta a romper o casamento pró-forma, se assim desejar Claude, e garante que devolve o cheque. Serafina agradece o gesto de Claude, que a defendeu das acusações dos ataques de Egídio. Claude gosta da ideia de desmanchar o casamento e pegar seu dinheiro de volta. Terezinha reclama para Pimpinoni das fofocas de Pepa. O artista aconselha que Terezinha não fique triste e que deixe Serafina viver a vida dela. Terezinha chora e revela para a mãe que Pepa fala mal de sua família para a mãe de Milton. Terezinha afirma que Pepa contou sobre o despejo e a bebedeira de Serafina.

Terezinha revela para Amália que a mãe de Milton deu a entender que não aprova o namoro do filho. Arlequim adverte as fofoqueiras de plantão. Pimpinoni critica a maledicência de algumas vizinhas. Pimpinoni recomenda o silêncio, que seria a melhor resposta às fofoqueiras. Sérgio e Joana leem juntos um poema. Sérgio emociona a mãe, dizendo que vai batalhar pelas coisas que tem vontade de fazer na vida. Raquel reclama para Elisa que Nara está estragando seu namoro com Sérgio. Nara e Egídio tramam uma maneira de derrubar Serafina do cargo de secretária. Freitas orienta Claude. Freitas informa o francês que anular o casamento levaria muito tempo. Frazão alerta que Mr.

Smith deu um prazo curto para Claude tirar o visto. Frazão garante que o casamento com Serafina foi a melhor solução para os negócios. Amália cria coragem para contar sobre o casamento de Serafina a Giovani, mas não consegue. O fotógrafo aparece na construtora para entregar as imagens do casamento de Serafina. O fotógrafo entrega o envelope com o material para Janete. Claude e Serafina descobrem que as fotografias foram entregues para Janete. Serafina corre para impedir que Janete abra o envelope. Janete vê uma fotografia e pergunta a Serafina se ela casou. Neste instante, Claude e Frazão entram no escritório. Egídio presta atenção a tudo.

0

19

19 серия
Segunda-feira, 22/03/2010
Claude pergunta como Serafina se atreve a falar mal de Nara

Raquel apresenta Sérgio a Nara. Sérgio explica para Nara que é ator iniciante. Nara descrimina Sérgio, dizendo que o rapaz é ator de “pecinha infantil” e filho de costureira. Nara recomenda que a filha Raquel namore alguém da mesma classe social que ela. Pimpinoni explica a Frazão que os pais de Serafina acreditam em casamento de verdade, que dure a vida inteira. Frazão e Freitas deixam Pimpinoni e Serafina a sós. Pimpinoni pede para Serafina não casar.
Pimpinoni afirma que felicidade não se compra. Giovani se preocupa com o atraso de Serafina e pede para Milton ligar para a secretária. Serafina confessa para Pimpinoni que está gostando de Claude e que vai casar para ajudá-lo a conseguir o investimento na construtora. Pimpinoni resolve não assistir à “cerimônia” e torce para que o casamento de Serafina tenha um final feliz. Serafina entra no salão ao som da marcha nupcial.

Claude fica furioso com o som. O juiz pergunta para Serafina se ela aceita casar com Claude. A secretária não responde. Pimpinoni sai do hospital, triste e devagar. Depois de uma tosse, Serafina diz "sim“ ao juiz. Claude também diz “sim”, entusiasmado. Feliz, Serafina sorri para o “marido”. Claude espirra. Amália e Giovani falam de Serafina, que não chega em casa. Amália torce para que a filha tenha arranjado um namorado. Antonieta comenta com Pepa que está apreensiva porque a filha viajou para o exterior. Antonieta fala para Pepa que terá que criar seus dois netos e o que ganha de pensão é pouco. Sérgio vai para casa, mas antes promete ligar a Raquel para sairem no dia seguinte. O juiz anuncia que o noivo pode beijar a noiva. Claude beija Serafina na testa. O fotógrafo pede para Claude repetir o beijo. Claude revolta-se com a ideia de Serafina contratar um fotógrafo. Serafina dá um selinho em Claude. O francês fica paralizado. O fotógrafo faz a foto do beijo, Claude fica perplexo. Beto tenta seduzir Elisa.

Beto cobra explicações da mãe sobre sua paternidade. Milton pede para Terezinha mentir ao pai, dizendo que vai dormir com uma amiga, para passarem uma noite juntos. Pimpinoni pede para Terezinha avisar Giovani que não precisa se preocupar com Serafina. Dino conversa com Amália sobre a importância de estudar e trabalhar. Depois de receber o recado de Terezinha, Amália estranha a mudança de comportamento de Pimpinoni, que antes estava desesperado com a ausência de Serafina. A secretária explica a Claude que foi ela quem contratou o fotógrafo. Claude pede para Frazão ir atrás das fotografias, que podem expor sua imagem ao ridículo. Claude se irrita com a “esposa”. O empresário paga Serafina com um cheque de um milhão de reais. Frazão brinca com Claude, e pede que o casal brigue somente nos próximos anos. Serafina avisa para Claude que ficaria mais nervoso se tivesse casado com Nara. Claude pergunta como Serafina se atreve a falar mal de Nara. Serafina retruca, e pergunta como Claude se atreve a falar desse modo grosseiro com a sua “esposa”, ela mesma. Pepa convida Antonieta e os dois netos para morar no cortiço dela. Antonieta e Joana ficam desconfiadas com a simpatia de Pepa.

Antonieta avisa que Joãozinho tem 9 anos, e Miriam 8. Antonieta agradece o convite, e aceita morar com Pepa. Serafina adverte Claude de que Nara é barraqueira. Em seguida, a secretária confere se está tudo certo com o cheque entregue pelo “marido”. Claude diz a Serafina que não precisa de mais nada dela, apenas a assinatura do divórcio, dentro de três meses. Serafina pede que Claude dê uma ideia: o que fazer com o buquê? Claude pede que ela faça o que quiser com o buquê. Serafina exige o jantar que Frazão prometeu. Claude diz a Claude que o convite para jantar é uma maluquice. Claude afirma para Frazão que Serafina tem a capacidade de irritá-lo até quando ele está de bom humor. Frazão brinca com Claude, dizendo que a lua de mel poderia ser obrigatória. Com a ausência de Claude, Nara suspeita que o noivo pretende desistir do casamento. Egídio pede calma para Nara, e lembra que o importante é passar a empresa para o nome dela, para a golpista assinar o acordo com os americanos. Claude reclama para Frazão que o jantar marcado para Serafina vai atrasar ainda mais sua chegada na festa de Nara. Frazão guarda as roupas do casamento no porta-malas do carro. Todos seguem para jantar.

0

20

20 серия
Terça-feira, 23/03/2010
Joana consola Sérgio e afirma que confia no sucesso do filho

No restaurante com Serafina e Frazão, Claude avista um casal conhecido e fica tenso. Serafina derruba estrogonofe na camisa de Claude. A secretária tenta limpar, mas o francês pede que ela se afaste. Serafina deseja sucesso nos negócios para Claude, em voz alta. Nervoso com a presença dos conhecidos na outra mesa, o empresário pede para Serafina falar mais baixo. Serafina responde que a avó dizia a ela que se fala baixo, Deus não escuta. O casal conhecido de Claude comenta a situação, com jeito de desaprovação. Nara fica agoniada com a ausência de Claude na festa de despedida dos dois. Serafina confessa que está tonta depois de tomar duas taças de champanhe depois do calmante. Claude repreeende a “esposa” e diz que não poderia misturar remédio com alcool. Serafina explica que é filha de italianos e, por isso, quando bebe “o volume da voz aumenta”. Em seguida, lembra que esqueceu de algo importante. Frazão e Claude ficam atônitos. Serafina avisa que esqueceu de jogar o arroz nela e em Claude, na saída do hospital, para dar sorte.

Claude dá graças a Deus por Serafina não ter jogado o arroz. Claude e Serafina se abraçam na saída do restaurante. Serafina sai do local tonta e sorridente. Frazão sorri da situação. Os conhecidos de Claude reprovam a cena, acham um absurdo o que veem. Pimpinoni avisa Joana de que o problema do cortiço está resolvido, apesar do preço muito alto. Joana não entende o que Pimpinoni quis dizer. Claude paga o táxi para Serafina e vai para a festa sem se despedir da “esposa”. Serafina reclama que vai passar a lua de mel sozinha. Claude chega na festa e dá a desculpa que foi tratar de negócios em outro restaurante. Amália e Giovani se preocupam mais com Serafina, que não chega em casa. Pepa discute com Afrânio e lamenta que o garçom fique atrás de Serafina quase o tempo todo. Afrânio e as fofoqueiras Antonieta e Pepa veem Serafina sair do carro de Frazão. Frazão pergunta pelo cheque e Serafina não sabe responder onde colocou. Serafina acha o cheque. Frazão avisa que o cheque é ao portador, qualquer um pode tirar o dinheiro no banco. A secretária agradece Frazão por tudo o que fez por ela. As fofoqueiras fazem comentários maldosos sobre o pileque de Serafina. Afrânio defende a secretária. Giovani vê a filha Serafina bêbada e exige uma explicação. Serafina fala que saiu com alguns amigos e comeu estrogonofe num restaurante. Serafina sorrri e depois sente vontade de chorar. Milton e Terezinha levam a secretária até o quarto.

Giovani e Amália ficam bravos, às turras. Antes de dormir, Serafina afirma para Amália que sua mãe não rezou direito para Santo Antônio. Amália olha para Serafina, preocupada. Sérgio desabafa com a mãe Joana, dizendo que Nara menosprezou sua carreira de ator. Joana consola Sérgio e afirma que confia no sucesso do filho. Depois de despedir-se de Milton, Amália mente e diz que Serafina teve uma dor de dente e explica que ela misturou uma taça de champanhe com calmante. Frazão inventa para Egídio que Claude teve que acabar com uma amante, para abrir caminho para o casamento com Nara. Egídio reage aliviado. Claude e Nara dançam em clima nada romântico. Em seus pensamentos, Claude conclui que Nara não pode desconfiar que é “casado”. Nara percebe que Claude esconde algo, mas promete para si descobrir esse segredo. Pepa vai xeretar o que aconteceu com Serafina e alerta Amália que a secretária chegou com um homem bonito e alto, num carro de luxo. Amália informa Pepa que a filha chegou do dentista, no carro de um colega do trabalho. Pepa desconfia. Terezinha fica revoltada com a cara de pau de Pepa. Amália fica intrigada com o que aconteceu com Serafina. Amália reza para Santo Antônio e pede perdão pelo comportamento da filha. Amália vai até a cama de Serafina e pergunta à filha por qual motivo ela disse que a mãe não rezou direito para Santo Antônio. Serafina confessa que falou aquilo à Amália porque casou de mentirinha, somente no papel. Amália reage apavorada e diz que aconteceu justamente o que imaginava.

0


Вы здесь » "Латинский Рай" - форум сайта латиноамериканской музыки, теленовелл и сериалов » Резюме ЛА сериалов » Uma Rosa com Amor (Бразилия) - резюме серий на португальском